Saxofone

O curso é dividido em seis níveis nos quais são trabalhados: embocadura, afinação, articulação, leitura, arpejos, ciclos de quartas e quintas, técnica, improvisação e repertório.
Nas aulas são usados métodos com "playbacks" como: Oliver Nelson, Charlie Parker, John Coltrane, James Aebersold, entre outros.
Gustavo Bonin

Natural de Criciúma/SC é compositor, arranjador e clarinetista.
Formado em Licenciatura em música pela UNESPR [Universidade Estadual do Paraná] e em clarinete pela EMBAP. Desenvolveu pelo PIC [Programa de Iniciação Científica] análises de canções do disco “Carioca” de Chico Buarque sob orientação de André Egg, atualmente pesquisa as canções de Guinga com parcerias de Aldir Blanc, através das direções semióticas propostas por Luiz Tatit.
Enquanto compositor apresentou o espetáculo de canções “Café-da-manhã à Luz de Velas”, elaborado em parceria com o compositor Isaac Dias, tendo circulado pelos SESC’s e pontos de cultura da cidade de Curitiba, como Paiol e Guarinha.
Estuda composição na EMESP [Escola de Música do Estado de São Paulo] com os professores Rodrigo Lima, Matheus Bitondi e Júlio Cesar Araújo, suas obras de câmara foram apresentadas nos concerto do Coletivo Capim Novo do qual integra.
Como clarinetista atuou em projetos e grupos fixos, se destacando a Orquestra Sinfônica do Paraná, Orquestra Sinfônica de Londrina, Orquestra Sinfônica de Santos, Orquestra Jazz Sinfônica de Diadema, Banda Lira de Diadema, assim como projetos independentes como “Natal Brasileiro”, dirigido por Simone Cit e Roberto Gnatalli, projeto “Dos Regionais às Jazz Bands” grupo que em 2012 abriu o Festival de Choro em Paris/FR, em 2013 se apresentou com o acordeonista Toninho Ferragutti no show do disco “Sorriso da Manu”, pelas apresentações anuais da EMESP.
Teve como professores de arranjo e composição Ian Guest e Roberto Gnatalli.
Como arranjador foi selecionado pela adaptação da “Suite nº2” de Guerra-Peixe, finalista do II Concurso de Composição e Arranjo - 2012 da Orquestra de Sopros FEA Belo Horizonte/MG, assim como arranjos para o espetáculo do “Paiol Convida”, onde a flautista Marcela Zanette convida Carlos Malta.